01/08/2010

Santa fúria





















Santa fúria

Contemplo a fúria que me ronda
Com o enlevo dos reles mortais.
.....Não a fúria terçã, odiosa, assassina,
..........Mas, aquela que alucina.


Subordino-me ao desejo
Sou gozo e delírio
.....E faço da entrega
..........A oferenda justa, merecida.


Entorpeço-me refém,
Numa viagem sem volta,
.....Furiosa, insana...
E consumo seu corpo,
Como se a vida,
.....Desmedida
Houvesse chegado, enfim,
Nessa forma louca
.....Que só você
..........Soube ser pra mim.

Anderson Fabiano

Imagem: Google editada pelo autor 

9 comentários:

Alma Inquieta disse...

Olá Fabiano,

lindos versos.

Publicamos, eu e o Sergio uma entrada conjunta em homenagem aos amigos brasileiros, dos quais tu fazes parte.
Oxalá te agrade!

Um beijo e bom domingo.

Sonhadora disse...

Meu querido amigo
Tinha saudades.
Muito belo este poema, adorei.

Beijinhos
Sonhadora

Helena disse...

Foi no tempo,
aquele que ficou tão nosso,
que percebi a vida,
vibrante e viva,
renascer do sonho.

Movido pela força do destino,
foi esse mesmo tempo
que te colocou
tão ao alcance dos meus afagos!

Agora,
tenho-te assim,
diante de mim,
- amigo, amor, amado, amante -
e sei
onde o tempo,
quando a vida,
porquê os sonhos.

E é ao tempo,
esse que colocou-nos frente a frente,
que entrego o ofício
de manter-nos
por todo o tempo,
lado a lado...

Te beijo, amo, beijo...

Alís disse...

Apasionado y bello

Un gusto volver a leerte

Beijo

Valvesta disse...

Queridos amigos,
muitos de vocês são pais,
mas em todos eu deixo meu abraço e carinho
por esse dia,
todo homem trás no coração o desejo
de ser pai,
trás a virtude celestial de criar,
e ver um sorriso brotar duma semente,
o amor crescer e ter descendência.
A cada um de vocês,
meus parabéns,
e desejo de dias fecundos,
abençoados e prósperos,
na virtude que o
grande Deus o destinou.
valvesta

Hestia disse...

Ganhei seu livro e acho que vou gostar muito ;)
Bom Domingo

Blogadinha disse...

Loucura é querer o impossível.
Virei crente nesse texto... :D

Niniane disse...

Já sentia alguma falta.
Um beijo
***

Sonia Pallone disse...

Gosto daqui. Lugar onde a poesia escorre e se instala no coração..